Fantasma – 1922 (Resenha)

0
» Assine nosso canal do Youtube e aprenda mais sobre cinema. 🎬 «

Texto em breve.

Filme assistido no 6º Olhar de Cinema de Curitiba, junho de 2017.

Se inscreva no nosso canal, clique aqui.

8.6 Ótimo

Fotografia e direção impecável de Murnau. Uma de suas maiores obras primas, que mantém nossa atenção aos detalhes durante todo o filme. A reflexão proposta pelo diretor - como em toda a sua filmografia - é o ponto alto.

  • IMDb 7
  • Roteiro 10
  • Elenco 8
  • Fotografia 10
  • Trilha Sonora 8
Compartilhe.

Sobre o Autor

Lucas Pilatti Miranda

Fundador e editor-chefe do Canto dos Clássicos, fascinado por música, cinema e uma boa cerveja. Frase preferida do cinema: "A vida passa rápido demais, se você não parar e olhar para ela de vez em quando, pode acabar perdendo." - Ferris Bueller's Day Off.