10 filmes de David Lynch que você precisa assistir

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr +

David Lynch, surreal e misterioso

Se você está aqui é por que gosta do trabalho de David Lynch ou, ao menos, se interessa por ele. É indiscutível a importância desse cara para a sétima arte, afinal, o modo que Lynch tem de dirigir um filme é muito diferente de qualquer outro diretor, ele tem uma assinatura própria para cada uma de suas obras, seja no cinema ou na televisão.

Por isso, resolvi separar aqui 10 filmes essenciais do diretor que você precisa conhecer. Eles estão em ordem cronológica e não significa que um é melhor do que o outro.

Aproveite a área dos comentários para contar quais são os seus filmes favoritos do diretor.

Eraserhead (1977)

Henry Spencer (Jack Nance) é um reservado operário de uma fábrica que se vê obrigado a casar com Mary X, uma antiga namorada que se diz grávida dele. O bebê nasce uma aberração, que faz com que Mary abandone Henry para ele cuidar da ‘criatura’ sozinho.

O Homem Elefante (1980)

John Merrick (John Hurt) é um inglês que vive recluso em um circo por ter uma doença que desfigurou seu rosto. Ele é descoberto por um médico (Anthony Hopkins), que deseja integrá-lo à sociedade não como um “esquisito”, mas como alguém normal e culto. O problema é que as pessoas não estão prontas para isso, e John terá que sofrer muito para ser tratado como ser humano.

Dune (1984)

Em 10.190 D.C., um duque e sua família são mandados pelo Imperador para Arrakis, um árido planeta conhecido como Duna, que tem uma matéria essencial às viagens interplanetárias: a Especiaria. O motivo desta mudança é que o Imperador planeja destruir o duque e sua família, mas seu filho escapa e procura se vingar usando a ecologia deste mundo como uma de suas armas.

Veludo Azul (1986)

Jeffrey retorna para sua cidade depois de estar fora algum tempo e descobre uma orelha humana sobre o chão, em meio ao mato. Não satisfeito com a passividade da polícia em relação ao caso, ele e a filha de um detetive da polícia resolvem fazer sua própria investigação. Eles acabam entrando em um submundo bizarro, envolvendo um homem diabólico e uma linda, porém misteriosa, mulher.

Coração Selvagem (1990)

Numa estranha homenagem ao filme “O Mágico de Oz”, Sailor e Lula são dois amantes que vivem intensamente a vida e a paixão. Tentando fugir das garras da mãe da garota, os dois caem na estrada para uma viagem violenta e psicodélica, uma vez que a mãe de Lula contrata um grupo de assassinos profissionais para matar Sailor.

Twin Peaks: Os Últimos Dias de Laura Palmer (1992)

Prelúdio para a famosa série de TV homônima. Vemos primeiramente as investigações do agente especial do FBI Chester Desmond no caso Teresa Banks. Então saltamos no tempo para uma semana antes do início da série, e acompanhamos todos os acontecimentos de Laura Palmer durante o eterno pesadelo até a hora de sua morte.

Estrada Perdida (1997)

Fred Madison (Bill Pullman) é acusado, sob misteriosas circunstâncias, de matar sua esposa Renee (Patricia Arquette). Ele logo se vê transformado em um outro homem, Pete Dayton (Balthazar Getty), possuindo uma vida completamente diferente. Quando Pete é solto no seu corpo e na sua mente, as coisas ficam cada vez mais misteriosas e intrigantes.

Uma História Real (1999)

O filme é sobre Alvin Straight, um senhor idoso com uma vida tranquila no campo. Quando seu irmão, com quem não conversava há muito tempo, fica muito doente, ele decide colocar suas diferenças de lado e encontrá-lo com o único meio de transporte de que dispõe: um velho trator. Com ele, Alvin atravessará centenas de milhas até seu destino final, não sem antes encontrar diversos personagens que farão de sua viagem uma verdadeira jornada sentimental.

Cidade dos Sonhos (2001)

Nas avenidas de Los Angeles, verdade é mentira com ilusão. Em torno da indústria do cinema, personagens vivem suas fantasias surrealistas, desejos e esperanças frustradas, como a ingênua Betty (Naomi Watts), que chega do Canadá para se tornar atriz. Ela cruza com Rita (Laura Harring), que acaba de sofrer um acidente e sequer se lembra do seu próprio nome. Betty tenta ajudá-la a descobrir quem é. Em outra parte de Los Angeles, o diretor de cinema Adam Kesher está sendo convencido por dois estranhos irmãos, com pinta de mafiosos, a contratar uma atriz específica para seu filme.

Império dos Sonhos (2006)

A percepção da realidade de uma atriz torna-se cada vez mais distorcida assim que ela se descobre apaixonada pelo ator do filme no qual está trabalhando, uma eterna refilmagem de uma produção polonesa que está supostamente amaldiçoada.

Qual é o seu filme favorito do David Lynch? Comente!

Veja também:
– 10 filmes de Jean-Luc Godard que você precisa assistir
– 10 filmes de Luis Buñuel que você precisa assistir
– 10 filmes de Alfred Hitchcock que você precisa assistir
– 10 filmes de Stanley Kubrick que você precisa assistir
– 10 filmes de Ingmar Bergman que você precisa assistir
– 10 filmes de Carl Theodor Dreyer que você precisa assistir
– 10 filmes de Akira Kurosawa que você precisa assistir

Curta a nossa página do Facebook.
Siga nosso Instagram.
Se Inscreva no nosso canal do Youtube.

Conheça nosso canal no Youtube


Espalhe Cultura:

About Author

Lucas Pilatti Miranda

Criador do Canto dos Clássicos, fascinado por música, cinema e uma boa cerveja. "A vida passa rápido demais, se você não parar e olhar para ela de vez em quando, pode acabar perdendo." - Ferris Bueller's Day Off.

5 Comentários

  1. Pingback: PROVIDENCE VOLUME 3, de Alan Moore e Jacen Burrows. O FIM DA LINHA, O FIM DO MUNDO COMO O CONHECEMOS (AND I FEEL FINE) - Zona Negativa

  2. Avatar
    Ricardo Marchiori em

    Cheguei aqui por odiar (de verdade) grande parte do trabalho de Lynch.
    Tenho o habito de assistir ate o fim o que começo, e por algum nivel de masoquismo, preciso ver o filme de twin peaks e estou a sua procura.

    Piegas, pedante, arrastado, pseudocult, vazio de proposito, brega e geralmente mal atuado.
    Devido a seus pontos de estranheza, de metalinguagem e encenação do onirico, que algumas partes de sua obra se salvam.

    Conhecia alguns de seus filmes, mas, depois de 25 anos, me inflamaram a assistir twin peaks. Torturante de tão ruim, canastra, uma telenovela mexicana cafona com textos piores que de pornos dos anos 70. Masssssssssssssssssssss.. como comecei, agora preciso terminar.

    Terminei a segunda temporada com a certeza de que esta foi a pior PIOR coisa que ja assisti na vida.

    Espero que nao leve meu gosto particular que compartilho com muito carinho como uma afronta ou ofensa.

Deixe um comentário